30/09/2013 22h07 - Atualizado em 30/09/2013 22h07

João Batista é absolvido pelo Tribunal do Júri em Montes Altos

A sessão de julgamento durou mais de dez horas; por 4 x 3 o comerciante João Batista foi considerado inocente

Montes Altos - O comerciante João Batista Bandeira Gomes, acusado de matar o servidor público Claudivino Rocha Silva, o "Cabeludo", depois de uma discussão em um bar, na rua Parsondas de Carvalho, no Centro, em Montes Altos, em julho 2011, foi considerado inocente.

Em sessão de julgamento que durou mais de 10 horas, na vara única da comarca de Montes Altos, os membros do Tribunal do Júri decidiram em absolver o acusado João Batista. A votação foi 4 a 3. 

Mais detalhes na edição dessa terça-feira, 01 de outubro. 

PUBLICIDADE
  • Redação

  • Rua São José, Nº 442, Vila Lobão
  • Imperatriz-MA
  • Fone: (99)8177-5769 / (99)8406-7712
  • Editor : Ilfra Lopes
  • Contato

  • redacao@tribunadotocantins.com.br