08/05/2012 14h10 - Atualizado em 08/05/2012 14h10

Camaro de Kléber Pereira é apedrejado por torcedores na porta do estádio

O jogador não reagiu a ação dos torcedores e saiu em disparada

Após o vexame do Moto Club, em partida do returno do Campeonato Maranhense, em que o time perdeu para o maior rival, o Sampaio Corrêa por 3 a 2, alguns torcedores do Papão e Tubarão entraram em confronto na porta do Estádio Nhozinho Santos.A confusão aconteceu por volta das 22h30. No meio da briga, os torcedores rivais começaram a atirar pedras e pedaços de pau. Alguns estavam portando até foguetes. De acordo com a Polícia Militar (8º, 9º e Choque), que fazia a segurança da praça desportiva, uma pedrada acertou o lateral do carro do atacante motense Kléber Pereira.

O jogador não reagiu a ação dos torcedores e saiu em disparada. O pior ficou para ele, pois ele vai ter que arcar com um prejuízo considerável, pois o seu GM Camaro, de cor vermelha, que custa cerca de R$ 180 mil, ficou danificado.
 
Ação da polícia
Para conter os ânimos dos torcedores, a PM disparou um tiro de advetência para cima. Só desta forma, a confusão foi acalmada. "O tiro só foi disparado por conta de alguns torcedores terem partido para cima dos policiais que se encontravam na porta do Nhozinho Santos", revelou o sargento Sá, um dos coordenadores da ação do Batalhão de Choque dentro de campo.
 
Do:O Imparcial
PUBLICIDADE
  • Redação

  • Rua São José, Nº 442, Vila Lobão
  • Imperatriz-MA
  • Fone: (99)8177-5769 / (99)8406-7712
  • Editor : Ilfra Lopes
  • Contato

  • redacao@tribunadotocantins.com.br