19/06/2013 08h29 - Atualizado em 19/06/2013 08h29

Manifestação bloqueia trecho da Anchieta no ABC

Pneus eram queimados na rodovia por volta das 7h20 desta quarta-feira. Razão do protesto seria o aumento de tarifas do transporte público.

 Uma manifestação ocorrida bloqueava um trecho da Rodovia Anchieta, em São Bernardo do Campo, no ABC, por volta das 8h20 desta quarta-feira (19). Pneus foram queimados para impedir totalmente o trânsito no sentido capital paulista, na altura do km 23. A razão do protesto seria o aumento de tarifas do transporte público no município.

Por volta das 7h20, motoristas tentavam escapar da interdição trafegando na contramão. Eles buscavam acessar uma alça de ligação para a Avenida Brigadeiro Faria Lima. No horário, não havia bombeiros para conter as chamas nos pneus e uma equipe da polícia acompanhava a manifestação na alça de acesso. A fumaça preta tomava boa parte da região. Segundo a Ecovias, cerca de 100 pessoas paticipam do protesto. A concessionária que administra a via montou desvios no km 25 e no pouco antes do local do bloqueio. O motorista pode, assim, acessar o Rodoanel e a rodovia dos Imigrantes.

A Anchieta liga São Paulo ao litoral do estado e é uma importante via de acesso de municípios do ABC com a capital paulista, por isso muito utilizada por pessoas que trabalham na cidade vizinha. O preço da passagem em São Bernardo do Campo passou de R$ 3,30 para R$ 3,20, em 15 de junho. A redução foi possível, segundo o prefeito Luiz Marinho, por causa da medida provisória do governo federal que elimina as alíquotas de PIS/Cofins para as empresas de transporte coletivo.

São Paulo
Por volta das 8h15 desta quarta, cerca de 150 manifestantes protestavam na altura do número 1.000 da Estrada do M’Boi Mirim, na Zona Sul de São Paulo, de acordo com a Polícia Militar. Eles caminhavam no sentido Centro pela faixa da esquerda, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Até o horário, o ato era pacífico.

Manifestações contra o aumento das tarifas acontecem em diversas regiões da capital paulista há mais de 10 dias. Na noite desta terça-feira (18), além das cerca de 50 mil pessoas reunidas na região central de São Paulo e na Avenida Paulista, houve manifestações em Cidade Dutra, Raposo Tavares, Socorro e M'Boi Mirim, segundo os organizadores do protesto.

Do: G1

PUBLICIDADE
  • Redação

  • Rua São José, Nº 442, Vila Lobão
  • Imperatriz-MA
  • Fone: (99)8177-5769 / (99)8406-7712
  • Editor : Ilfra Lopes
  • Contato

  • redacao@tribunadotocantins.com.br